Nascimento/Born: 22/Janeiro/2013
Doença/Illness: Sindrome Digiorge e Cardiopatia Congênita
Tema/Theme: Bichinhos Fofos
Data de Encerramento/Deadline: 10/Agosto/2017
 

 

Quando a Gi nasceu ficou apenas os primeiros 27 dias em casa.
Tive uma gestação difícil, mas os médicos diziam que ela não seria afetada, porém ela foi internada com menos de um mês a principio com diagnóstico de bronquiolite, mas graças a misericórdia de Deus a UTI do hospital que estávamos foi fechada, então ela foi transferida para outro hospital, onde foi atendida de forma excelente, e recebeu o diagnostico de uma cardiopatia.
Daí começou uma corrida contra o tempo para salvar sua vida, pois ela necessitava de uma cirurgia cardíaca, mas para que a cirurgia fosse realizada, ela tinha que estar curada da bronquiolite.
Graças a Deus tudo aconteceu no tempo certo, com três meses ela fez a cirurgia, foi para UTI, mas não conseguia se recuperar e ir para o quarto, então surgiu a suspeita da Síndrome Digiorge, porém o resultado e demorado para o exame especifico para diagnosticar está síndrome.
Mas graças a Deus independente do resultado do exame, após cinco tentativas de desentubação, finalmente ela foi para o quarto e após um mês teve alta.
Até a confirmação do seu diagnóstico, ela sofreu outras internações mas tudo se estabilizou após a confirmação do seu diagnóstico e tratamento especifico.
Os médicos não tinham certeza se ela iria andar ou falar.
A Giovana sentou com 1 ano e 5 meses, começou a andar com 2 anos e 3 meses quando começou a freqüentar a creche (por orientação médica), e graças a Deus tem aos poucos desenvolvido a fala.
Deus foi maravilhoso com minha filha, preparou o melhor pra ela, desde o hospital, até o tratamento atual, tudo que ela precisa mesmo em meio a tantas lutas graças a Deus nada falta para minha princesa.
A sua história me emociona até hoje, pois quando lembro de tudo que vivemos, não posso me esquecer de quantas pessoas que eu nem conhecia e que oraram por ela, correntes de oração independente de religião, e graças a Deus ela é um milagre vivo.
Ela gosta muito de crianças, principalmente os mais novos que ela imita muito o que fazem, está na fase dos brinquedos de encaixe, adora assistir desenhos como Galinha Pintadinha e Patati Patatá, reconhece todas as músicas, faz todos os gestos, e conhece todos os caminhos que fazemos ex. onde a vovó trabalha, onde é a creche, etc
A Gi é uma menina muito doce, carinhosa, esperta, apesar de não falar compreende tudo que lhe falamos e faz o possível para se comunicar com os outros, gosta muito de beijar, abraçar, e como já me disseram uma vez a Gi é uma anjo que Deus me confiou, pois ela tem o poder de trazer alegria, serenidade nos seus carinhos e abraços.
Liliane , Mãe da Giovana – Carta escrita Novembro/2016

Galeria

Clique aqui para ver os blocos que já foram bordados. (Não esqueça de desativar seu
anti-popup)

Entrega

Aqui você vai ficar sabendo como foi a entrega do Acolchoado.